segunda-feira, 20 de março de 2017

Doenças que atingem as mulheres


Olá Pessoal!

Mês de Março é considerado o mês das Mulheres, então em parceria com a Rosi Feliciano, vamos cuidar da saúde feminina. Falaremos sobre as principais doenças que atingem as mulheres para você se informar e se cuidar.



Existem doenças típicas do sexo feminino. Incluindo doenças ginecológicas, tais como câncer de mama, infecção vaginal ou inflamação dos órgãos genitais. Mas há outras doenças que afetam principalmente o sexo feminino como enxaqueca e bulimia.

Há um número de doenças que só ocorrem em mulheres e são típicas doenças ginecológicas são:

  • Infecção da mama (mastite)

Mastite geralmente ocorre durante a lactação (mastite puerperal) ou sem (mastite não puerperal). No entanto, o último é raro.
Mastite aguda manifesta-se por febre alta, dor e distensão, bem como vermelhidão e calor da mama. Uma mulher reclama de febre, a causa - mesmo sem outros sinais – pode ser uma infecção da mama em seus estágios iniciais. Em seguida, consultar um médico é necessário. Às vezes é suficiente, colocar o peito para se refrescar, mas em casos graves, os antibióticos são necessários.
A caixa deve ser mantida ainda durante este tempo. A ejeção de leite pode ser inibida por um fármaco. Se ainda pode estar mais satisfeita é esclarecer com o médico assistente.

  • Cistos Ovarianos

A maioria dos cistos ovarianos são cistos funcionais. Estas são estruturas hormonais influenciada por líquido ou cheia de sangue no ovário. No entanto, estes são prevalentes na idade reprodutiva.
Cisto funcional pode ocorrer nos ovários por hormonas endógenas, como resultados de alterações inofensivas e normais, relacionadas com os ciclos. Eles são referidos no jargão técnico como "folículo". Em folículos é o ovo, que é liberado mais tarde no momento da ovulação para fertilização.
Cistos funcionais são comuns e são na sua maioria inofensivos. Embora eles sejam até dez centímetros de tamanho, mas são formadas principalmente por si de volta.
Outras causas para o desenvolvimento de quistos funcionais podem ser tratamentos hormonais para a endometriose, uma desordem do córtex suprarrenal, ou doença da tiroide.
A partir da idade de 40 anos e depois do último período menstrual (pós-menopausa), é importante não deixar de observar e clarificar cistos.

  • Cólicas Menstruais

O período menstrual afeta todas as mulheres de forma diferente enquanto alguns são fisicamente e completamente livres de sintomas, a maioria das mulheres que sofrem de uma redução no desempenho físico ou mental. Porque é a alteração dos níveis hormonais na altura da menstruação.
Nos primeiros dias muitas vezes fazem desenho de suas dores ou cólicas no abdome e nas costas. Isto resulta em fadiga, irritabilidade, náuseas, dor de cabeça, lesões na pele, perda de apetite ou desempenho reduzido.
Muitas vezes, estas são as consequências das alterações hormonais -, mas também distúrbios orgânicos ou fatores psicológicos podem ser responsáveis.
Durante a menstruação, evitar o estresse e esforço físico. Em contraste, movimento, dieta equilibrada e relaxamento pode melhorar o bem-estar físico e mental.
Para combater cólicas, você não necessariamente tem acesso a analgésicos. Muitas vezes ajudar os suplementos à base de plantas, como a árvore pura, medicamentos homeopáticos ou suplementos de magnésio em altas doses.
Calor através de um banho quente também pode trazer alívio da dor abdominal.
Não é doença mas dependendo dos sintomas pode trazer complicações e incapacidade temporária, por isso está neste post.

  • Obesidade em Mulheres

A obesidade não é um problema exclusivamente feminino mas é com certeza um dos problemas mais preocupante para as mulheres além de ser um problema de saúde é também de beleza estética.
A obesidade traz consigo vários riscos a saúde em um nível mais elevado como a obesidade II e III a pessoa passa a ter pressão alta, diabetes tipo 2, colesterol, inchaço, fadiga e outros.
A maioria das pessoas obesas é devido à má alimentação e sedentarismo, isso complica outros riscos a saúde da mulher como câncer de mama, outros canceres, distúrbios menstruais, cólicas, dor de cabeça, osteoporose e outros.

Pesquisas já demonstraram que alimentação incorreta e falta de atividade física aumenta os riscos de todas as doenças citadas e a não mudança de habito compromete o resultado do tratamento. Inicie com um bom plano diário como uma boa dieta para emagrecer e exercícios leves.

Qualquer alteração da normalidade procure um especialista que poderá te informar melhor.

Até o próximo post!

Beijos
Desenvolvimento por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo